Caixa divulga calendário do saque-aniversário do FGTS

Quase 10 milhões de brasileiros usaram esta opção no ano passado para ter um dinheiro extra

A Caixa Econômica Federal anunciou o calendário de pagamento do FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço) de 2021 para quem deseja fazer o saque-aniversário. Criado através de uma Medida Provisória do governo federal, a modalidade permite que trabalhadores recebam parte do saldo disponível na conta do fundo antes de sua demissão, anualmente, no mês de seu aniversário.

Segundo a Caixa, mais de 9,7 milhões de pessoas optaram por este serviço no ano passado. Além disso, só é possível movimentar o saldo em alguns outros casos, como para moradia, doenças graves, aposentadoria, calamidade pública, entre outros.

Os pagamentos já começaram a ser feitos no início do mês para aqueles que nasceram em janeiro e desejam fazer este saque. Se a pessoa não retirar o valor, ele volta à conta do beneficiário.

Confira o calendário de pagamentos:

Mês de nascimento - Prazo para recebimento

Janeiro - 04/01 a 31/03

Fevereiro - 01/02 a 30/04

Março - 01/03 a 31/05

Abril - 01/04 a 30/06

Maio - 03/05 a 30/07

Junho - 01/06 a 31/08

Julho - 01/07 a 30/09

Agosto - 02/08 a 29/10

Setembro - 01/09 a 30/11

Outubro - 01/10 a 31/12

Novembro - 01/11 a 31/01/2022

Dezembro - 01/12 a 28/02/2022

Fonte: Caixa

Vale lembrar que o cálculo da cota do saque-aniversário é feito a partir do saldo total da conta do FGTS do trabalhador, em percentuais que diminuem quanto maior for o valor disponível. Por exemplo, quem tem até R$ 500 em conta, pode retirar 50% deste valor. Já quem tem acima de R$ 20 mil pode retirar apenas 5% da quantia.

Limite das faixas de saldo (em RS) - Alíquota

Até 500,00 - 50%

De 500,01 até 1.000,00 - 40%

De 1.000,01 até 5.000,00 - 30%

De 5.000,01 até 10.000,00 - 20%

De 10.000,01 até 15.000,00 - 15%

De 15.000,01 até 20.000,00 - 10%

Acima de 20.000,01 - 5%

Fonte: Caixa

Para ter direito ao dinheiro, o trabalhador precisa fazer a opção por meio do aplicativo FGTS, pela página do fundo na internet ou em uma agência da Caixa. Além disso, quando for realizar a operação, o beneficiário deve indicar uma conta, de qualquer banco, para receber o depósito do valor.

A Caixa lembra ainda que a solicitação deve ser feita do primeiro dia útil do mês de aniversário até o último dia útil do mês de recebimento, conforme o calendário de pagamentos.

Aqueles que desejarem voltar à regra anterior, do saque na rescisão contratual, só precisam fazer a operação inversa, também no aplicativo, na internet ou em uma agência da Caixa.

Gostou? Compartilhe!