Olimpíada Brasileira de Astronomia promove live com Tabata Amaral

A deputada federal, é medalhista internacional de astronomia e astrofísica
Foto: DivulgaçãoDeputada Tabata Amaral
Deputada Tabata Amaral

Mesmo longe do ambiente escolar, milhares de estudantes em todo o território nacional encaram o desafio de se preparar para a prova da maior olimpíada científica do país, a Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (OBA). Para ajudar nesse trajeto, a OBA promove, sempre aos sábados, às 17h, lives em seu canal no Youtube com o seu coordenador nacional, o Dr. João Canalle, professor de Física e Astronomia do Instituto de Física da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) e uma das maiores referências no mundo na difusão das ciências espaciais.

Na live do dia 17 de outubro, Canalle irá conversar com Tabata Amaral. Formada em astrofísica e ciências políticas pela Universidade Harvard, a paulista de 26 anos foi medalhista da OBA em 2011 e representou o Brasil em cinco competições internacionais de ciências, como as olimpíadas Internacional de Astronomia e Astrofísica e Latino-Americana de Astronomia e Astronáutica (IOAA e OLAA, respectivamente), conquistando vários prêmios. Engajada em causas estudantis, Tabata foi eleita em 2018 deputada federal (PDT-SP), com mais de 264 mil votos. Na ocasião, a parlamentar foi a sexta candidata mais votada do estado de São Paulo.

Em 23 anos de existência, a OBA já superou a marca dos 10 milhões de participantes e distribui anualmente cerca de 50 mil medalhas. A edição de 2019 teve a participação recorde de 884.979 estudantes de 9.965 escolas de todos os estados do Brasil e do Distrito Federal, além de duas do Japão.

Foto: DivulgaçãoTabata Amaral Medalhista Olímpica.
Tabata Amaral Medalhista Olímpica.

 Lembrando que as inscrições para a OBA foram prorrogadas e estão abertas até o dia 5 de novembro. Escolas públicas e particulares que ainda não inscreveram seus estudantes podem cadastrá-los na plataforma https://app.oba.org.br/login. Disputada em fase única e voltada para todos os estudantes dos ensinos fundamental e médio, a olimpíada vai acontecer nos dias 12 e 13 de novembro. Devido à pandemia do novo coronavírus, as avaliações e a MOBFOG (Mostra Brasileira de Foguetes) irão ocorrer virtualmente. Realizada desde 1998, essa será a primeira vez que a prova acontecerá de forma remota. Mais informações em www.oba.org.br.

Para assistir à live, basta acessar www.youtube.com/obaoficial.

Gostou? Compartilhe!