Vacinação deve começar três ou quatro dias após autorização da Anvisa

Ao menos é o que afirmou o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello

O Brasil tem capacidade para começar a aplicação da primeira dose da vacina contra a Covid-19 três ou quatro dias depois do imunizante receber a autorização para uso emergencial, concedida pela Anvisa. Ao menos é o que garante o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello.

O Ministro está em Manaus nesta segunda-feira, onde participou de um evento para apresentação do Plano Estratégico de Enfrentamento da Covid-19 no Amazonas. Em seu discurso, ele fez esta declaração acima.

Além disso, Pazuello declarou ainda que, "todos os estados receberão simultaneamente as vacinas, no mesmo dia. A vacinação vai começar no dia D, na hora H, no Brasil", disse. "A vacina é gratuita. No que depender do presidente da República e do Ministério da Saúde, não será obrigatória", completou.

Gostou? Compartilhe!